terça-feira, 3 de junho de 2014

De paixões se constrói o Mundo




Foi apenas mais uma noite, uma como tantas outras. Eu percorria as ruas do Porto, sozinha, e no rádio do carro sucediam-se os singles do álbum An Awesome Wave dos Alt-J, como tantas outras vezes antes.
De uma janela avistava-se luz para lá dos seus vidros, dizendo ao mundo que os seus habitantes demoravam o seu recolher.
O semáforo ficou vermelho e eu parei. Alheio ao seu entorno alguém caminhava para onde, apenas ele saberá dizer.
Fora apenas mais uma noite, apenas um momento, mas como tantos outros, esse ficou gravado nos meandros da minha mente, e porquê? Talvez porque naquele momento era o destino, à data ainda incerto, das personagens que hoje já viram a luz do dia que me consumia o pensamento.
Desde aquele dia até hoje, eu e elas, percorremos um interessante caminho com a certeza que estas são o fruto de uma genuína paixão, filhas de uma mãe devota que lhes dedicou o melhor de si.
Elas farão sempre parte de mim, e eu delas
 
Do dia oficial em que o pequeno mundo que eu criei foi apresentado ao Mundo salienta-se o incontornável carinho dos que eu tanto amo e o maravilhoso discurso de apresentação de um homem cujo talento, génio e integridade tanta inspiração e orgulho me inspira, e a quem eu tenho a sorte de chamar irmão e amigo.

Aqui deixo o link para quem quiser conhecer parte desse discurso:


E para quem estiver interessado em adquirir a obra:
http://www.fnac.pt/A-Escuridao-Procura-a-Escuridao-Sonia-Ferraz-da-Cunha/a784803